O Desfralde

25 de janeiro de 2013 11 comentários

Este assunto fica na cabeça de todas as mamães... Será que chegou a hora do desfralde? 

Os especialistas afirmam que o verão é o período mais indicado para iniciar o desfralde e que a criança começa a ter o controle dos esfíncteres por volta dos dois anos de idade. A experiência do desfralde aqui em casa mostrou que NÃO HÁ REGRAS para iniciá-lo, é preciso respeitar o tempo da criança, ou seja, a criança precisa estar preparada para que o desfralde ocorra de forma tranquila.



Imagem: www.maenual.com.br



O desfralde...


Aos dois anos, Dudu não dava sinal nenhum de que estava pronto para iniciar o desfralde. Comprei um "troninho", expliquei como funcionava, mas nada. Ele continuava sem avisar. Na verdade eu sempre tive que ficar checando a fralda, pois ele nunca foi de chorar por estar molhado. Fiz algumas tentativas de deixar ele de cueca para ver se funcionava, fazia no chão, molhava a cueca e o chão toda hora, me convenci de que não era o momento. Respeitei e esperei chegar a hora certa. Li uma matéria que os meninos têm uma dificuldade maior que as meninas.

Por volta dos dois anos e dez meses senti que estava chegando o momento. Ele já alcançava o vaso (com um pouco de dificuldade) e nem quis saber do troninho. Começou a fazer xixi no vaso! Em poucos dias já estava fazendo xixi no vaso e começou a abandonar a fralda. E a mamãe, claro, ficou cheia de orgulho. Cada conquista dele sempre foi muito comemorada. Mas, ainda tínhamos um longo caminho pela frente. Para fazer xixi ele não dava trabalho nenhum, mas para fazer cocô o processo foi mais demorado. Ele pedia para colocar a fralda e, como ele tem prisão de ventre com frequência, este momento era bem mais sofrido. Comprei um assento redutor para vaso. Algumas vezes ele fazia no vaso e outras tantas fazia na cueca mesmo. Ele ficava o dia inteiro de cueca e só colocava a fralda para dormir.

Pouco depois dos 3 anos, decidi que tinha que tirar a fralda da noite também. Conversei que ele iria dormir de cueca e que, se quisesse ir ao banheiro, deveria chamar a mamãe ou papai. Me preparei toda caso ele acordasse molhado colocando uma toalha grossa por baixo do lençol, e acordei pelo menos duas vezes para checar se tudo estava bem. Neste dia ele nem acordou. E desde então, quando quer fazer xixi, acorda e aponta para o pintinho praticamente dormindo. Ele nunca fez xixi na cama. Não é para a mamãe se orgulhar?

Posso dizer que o desfralde dele foi muito tranquilo. Consegui contornar a reluta dele de ir ao vaso (para fazer cocô) com revistas e com muita conversa. Oferecer água em quantidade maior também ajudou no processo e tudo deu certo. 

Pouco mais de um ano já se passou e eu tenho um menininho "independente" em casa. Aos poucos o trabalho vai diminuindo, mas a saudade vai aumentando. Que louco isso, né? Coisa de mãe. Sinto saudades do cheiro da fralda... falei isso no meu primeiro Dicas das mamães: Fraldas! Dá saudade.. afinal, eu fiz isso por mais de dois anos da minha vida. Mas, fico feliz também de ver ele levantar sozinho a tampa do vaso, fazer xixi, dá descarga e ainda pedir para lavar a mão! Ser mãe é isso: é viver relembrando o passado e curtindo o presente.

Espero que esta experiência possa ajudar de alguma forma o desfralde por aí...


Beijo,


11 comentários:

  • Divagações da Mamãe Tê disse...

    Oi Juliana, louco mesmo esse sentimento de mãe. Eu sempre falo isso por aí..
    Nesse texto meu da maternidade relato. Você quer ver a independência mas sente falta do que não vai precisar cuidar mais. Mãe é isso mesmo e ponto final. Sentimentos que não mudam. Intrínsecos.

    Embora concorde com você que o desfralde ocorre no tempo da criança, tenho que admitir que no verão é bem mais fácil. Pensávamos isso aqui em casa também. Nessa época as crianças usam menos roupas, então suja menos também e dá mais tempo de ir ao banheiro...

    Conforto também para os papais...

    Mas cada criança tem seu ritmo e é preciso respeitar. Estimular mas sem pressão, caso contrário ja vi muitos relatando sobre a "trava" para esse processo acontecer...

    Maria também foi naturalmente. Incentivávamos muito. Compramos o peniquinho e deixávamos bem no caminho dela....As vezes dava tempo, outras não.
    Ela não pedia para ir ao banheiro. Mas sempre ensinávamos.
    Depois de um tempo começamos a tirar a fralda da noite também, como você fez. Para uma tranquilidade maior nossa, forramos o colchão com aquelas capas com ziper de napa.

    Assim ela poderia fazer que não iria sujar o colchão. Essa iniciativa foi também pq moramos em apto e não tinha onde lavar e secar..

    Bom, mas o desfralde é isso aí.

    Ela foi pra escola com 2 anos e 2 meses de fralda ainda. E a escola ajudou nesse processo. Quando "chovia" - era assim o termo que eles usavam - As tias trocavam pacientemente a roupinha com a roupa de reserva. Foi ótimo. Sem estresse e sem traumas pra ela.

    É preciso muito amor, bom senso e paciência para todo esse processo ocorrer de forma leve e tranquila. E você com sabedoria, vejo que conseguiu isso...

    Isso tudo é amor... é delicadeza... E é preciso isso o tempo todo..

    Lindo texto.. Delicado e objetivo...

    Beijos beijos..

  • Genis Borges disse...

    Oi minha amiga, para nós, mamães de primeira viagem a dúvida qto ao desfralde é grande né?
    JM desfraldou com 2 anos 9 meses. Eu tb não forcei. Comprei um peniquinho e com 3 dias ele já estava fazendo tudo no vaso. Algumas pessoas diziam que ele já estava muito grande pra ficar usando fralda, mas eu nem ligava e esperei tb pelos sinais. A ajuda do pai foi essencial, aquela coisa de fazer e chamar o filho pra participar sabe? rsrs
    E qto ao desfralde noturno, eu tirei a fraldinha com 1 mês após e levava ele pra fazer xixi na hora de ir dormir e cortei a mamadeira com algum líquido mais próximo da hora de ir dormir. Vazou alguns xixis, mas foram bem poucos e não retrocedi para a fralda.
    Tudo tranquilo e fácil tb, com paciência e muita, muita conversa.
    Eu tenho um sobrinho de 4 anos e 1 mês que ainda usa fraldas. A mãe dele não tem paciência e tem nojo tb... lamentável isso e fico com pena da criança. O pai dele, meu irmão, está fazendo de tudo pra ajudar e ele começará na escolinha em fev. é nossa esperança que tudo melhore. O menino está com traumas sobre o assunto e toda a família acaba sofrendo juntos.
    Bju grande e parabéns pelo texto que com certeza ajudará muitas mamães.
    Genis

  • Marina Inaê Mayrer disse...

    Nossa, que..experiencia legal para uma mãe. Já ouvi falar que a época do desfralde é a pior. E eu como uma gravida medrosa, ou meio medrosa...Fico apavorada. Mas pelo que você descreveu, não..parece tão ruim.

    Beijos Mariih.
    P.s: Comecei meu blog hoje, mas já acompanho o de vocês a um tempinho, e so fã. http://mundo-de-uma-cor-rosa.blogspot.com.br/

  • Renata Diniz disse...

    Ei Ju! Isso mesmo, paciência e respeito pela criança faz tudo dar certo. Com a Laura foi tranquilo também. Mas teve xixi na cama à noite! Beijos e ótimo fim de semana!!

  • Jackie disse...

    Oi Ju, o desfralde está em andamento aqui desde Dez., a chupeta já era. O Davi está com 2 anos e 7 meses ( fazendo hoje).ainda não consegui tirar a fralda da noite e nem pra fazer coco, mas uma hora chegamos lá. bjusssssssssssssss

  • Marina Inaê Mayrer disse...

    Obrigada pela dica Ju, é assim que te chama? Bom, a blogsfera materna é enorme e com muitos blogs não auxiliadores, mas encontrei no mamães em rede muito auxilo. Obrigada pela dica, ela é importante mesmo.

    Beijos,Mariih.

  • Deborah Gebran disse...

    É Ju, respeitar a hora certa do desfralde é a melhor coisa a fazer... Aqui em casa tb foi assim! E tb deu certo... A vezes escapa, porque Marinah não quer parar de brincar para ir ao banheiro... Entretanto de uma forma geral, estamos muito bem sem fralda!!
    Parabéns pelo post!
    Bjo

  • Cristiane Lima disse...

    Oi Ju, q ótimo post!
    Eu tenho mts dúvidas, então algo escreve algo e eu corro pra ler. Por aqui ainda não começamos, mas eu já estou me preparando (lendo, perguntando e conversando)
    Tomara q com o Joseph seja assim tranquilo, pq temos medo, receio do novo... e como vc disse saudades do q passou, afinal somos mães!
    Bjss
    http://cphilene.wordpress.com/

  • Iza disse...

    Oi meninas!
    Meu pequeno está com 2 anos e 10 meses e nem quer saber de sair das fraldas. Nem quer colocar cueca! Queria saber se alguém tem alguma dica de como convencê-lo, já que o vaso sanitário parece um monstro e o penico só um brinquedo...
    Obrigadinha!
    bjos

Postar um comentário

Quando você comenta, também participa do Mamães em Rede! Comente, participe, pergunte. Obrigada!

 

©Copyright 2012 - Todos os Direitos Reservados - Mamães em Rede | Design By Arte Design